RESENHA | Ponto sem Retorno - Gabriela Simões

04/08/2017
Título: Ponto sem retorno
Autor(a): Gabriela Simões
Editora: Vieira da Silva
Páginas: 238
Nota: 4/5
Sinopse: Giselle Levy é meio-bruxa e vive isolada do mundo com o seu avô, escondida do olhar do rei. É cuidadosa e astuta, contudo, numa tentativa de sobreviver, foi apanhada e chantageada por um dos príncipes de Kendrad, Cristian, que promete não a entregar, se ela for trabalhar para o palácio. Num dilema, ela coloca em perigo a sua identidade e passa a trabalhar no palácio, onde terá de lidar com as constantes tentativas de sedução do príncipe Cristian, os misteriosos olhares de príncipe Eli, os encontros escondidos com o seu melhor e único amigo, Rylan, e um rei desumano com segredos obscuros. Giselle vive numa constante incerteza e angústia de ser descoberta, amargurada pelo facto de não poder ser livre, encontra uma misteriosa sala, com um poderoso encantamento que poderá mudar tudo. Assertiva, inteligente e defensiva, irá deparar-se com uma escolha que mudará para sempre a sua vida e a ideia que tem si própria.


Oi gente, tudo bem?
Fiquei muito feliz quando a Gabriela entrou em contato comigo referente a sua obra, ela é uma autora de Portugal, que fez um livro com uma história incrível, vêm conferir:


Giselle Levy é filha de uma bruxa de sangue puro com um humano, ou seja, nossa protagonista é uma meio-bruxa, em busca de sua liberdade.
Ela vive escondida com seu avô, porque se os soldados do rei a descobrirem ela vai para a fogueira e tem grandes chances do seu avô ir também. No reino de Kendrad não é permitido seres misticos, e Levy precisa roubar para sustentar ela e seu avô, que está muito doente. Mas em um momento a ganância fala mais alto, e Levy é pega roubando, é então que ela sai em uma fuga com sua égua Nessie mas o Príncipe é mais rápido.
Christian fica encantado com Levy e ao mesmo tempo surpreso por ver uma mulher roubando, e decide dar duas escolhas para Levy: ir morar no palácio para cuidar dos trabalhos, ou ir para a cadeia.

"É sempre arriscado, mas quando as opções são escassas, a vida obriga-nos a tomar decisões desesperadas."

Levy não quer ir para o palácio, seu aniversário está chegando e é a data onde os seus poderem podem fugir do seu controle, entregando quem ela é e correndo o risco de ser morta, mas o que ela pode fazer?

No palácio Levy em seus momentos de folga começa a andar pelos corredores e descobre uma sala secreta, uma sala relacionada a bruxaria, e é então que tudo começa;
Levy vai conseguir esconder que é bruxa de todos?  Vai conseguir a tão sonhada liberdade? O que seu avô pode estar escondendo? Christian vai conseguir conquistar nossa protagonista? Leiam!

Gente, que livro!
A autora conseguiu me prender do começo ao fim, achei demais esse mistério todo, a curiosidade que sentia querendo saber mais sobre a Levy, e o final? Socorro, que final, eu preciso da continuação para ontem.

Os personagens são muito bem construídos, Levy é difícil de lidar, ela tem a personalidade forte, e não sabe lidar bem com seus sentimentos, algumas vezes fiquei com pena do Christian pelos foram que ela dava, mas no fundo ela tem um coração enorme, ela ama poucas coisas na vida, ou melhor, somente três coisas: Seu avô, sua égua e seu amigo Rhylan (que eu achei um fofo, sempre fazendo de tudo para estar perto dela).
O rei é insuportável, mas seus dois filhos são completamente o oposto, apesar dos pesares gostei dos dois.

A leitura flui de forma leve, e mesmo sendo portugues de Portugal eu não tive dificuldades na leitura, muito pelo contrário, foi uma esperiencia nova que eu amei.

Indico o livro para quem gosta de fantasia, e para quem não gosta também, é uma leitura muito agradável.

Só não dei cinco estrelas no Skoob porque as vezes achei a narração rápida demais, os dias passavam voando, e eu queria mais detalhes.

Me conta aqui nos comentários se leria o livro e se gostou da resenha?!

Para saber mais acesse o Instagram da autora: https://www.instagram.com/writer_gabby/

Beijos!

Ps:. Agradeço a autora pelo e-book cedido para resenha! <3

Um comentário:

  1. Ei Aline,

    Esse eu não conhecia, a capa é bem legal!
    Eu estou meio com preguiça dessa vibe sobrenatural, li demais e enjoei rsrs. Mas quando animar de novo vou dar uma olhada. Isso de esperar a continuação é sempre ruim kk
    bjs

    ResponderExcluir